Computação em Nuvem

 

O que há pouco tempo era apenas uma tendência, hoje já é uma realidade. A Computação em Nuvem (ou Cloud Computing), é uma tecnologia que utiliza a internet e servidores remotos para manter dados e aplicativos armazenados. O armazenamento de dados é feito com serviços que poderão ser acessados de qualquer lugar do mundo, a qualquer hora, desta maneira, a utilização de softwares acontece sem que estejam instalados no computador. O acesso a programas, serviços e arquivos é realizado de forma remota, através da Internet – daí a alusão à nuvem e o uso desse modelo (ambiente) torna a utilização mais viável do que o uso de unidades físicas.

No ambiente corporativo o compartilhamento de arquivos se tornou muito mais fácil com a utilização da nuvem, uma vez que todas as informações se encontram no mesmo “lugar”, os softwares e os dados podem ser acessados facilmente precisando apenas do acesso à Internet. A infraestrutura necessária para uma solução de computação em nuvem é bem mais enxuta do que uma solução tradicional de hospedagem ou alojamento, consumindo menos energia, refrigeração e espaço físico e consequentemente contribuindo para a preservação e o uso racional dos recursos naturais.

A Microsoft foi pioneira em serviços na nuvem: o Hotmail (hoje Outlook) é um dos maiores serviços de nuvem pública existente há mais de 15 anos. Nele, os e-mails e pastas particulares não ficam guardados no computador do usuário, mas em um data center. No Brasil, a tecnologia de computação em nuvem é mais recente, porém vem amadurecendo com grande rapidez. Empresas de pequeno, médio e grande porte estão adotando a tecnologia gradativamente.

 

Futuro da Computação em Nuvem

 

Muitas empresas já estão fechando seus data centers e migrando sua operação para a nuvem, a tendência é que, com o exponencial crescimento de dados, a demanda por computação em nuvem cresça proporcionalmente. A expectativa é que, ainda este ano cerca de 48 milhões de aplicativos estejam disponíveis em nuvem.

A Computação em Nuvem em grande escala poderá ajudar a tornar a Internet das coisas uma realidade. Isso significa que veremos muito mais aparelhos conectados se integrando e automatizando soluções. Tecnologias potencialmente inovadoras, como a realidade virtual, também devem se beneficiar com a expansão da cloud. O fato é que empresas de todos os tamanhos e mercados estão aderindo à nuvem, e essa tendência não demonstra sinais de enfraquecimento.

O serviço começou a ser oferecido comercialmente em 2008 e em 2012 ocorreu uma grande adoção.A computação em nuvem oferece soluções de tecnologia de ponta com baixo custo e segurança para que empreendedores direcionem seus esforços e investimentos em melhor atender seus clientes e na criação de novas oportunidades de negócios. E a Microsoft possui aplicativos que funcionam perfeitamente em conjunto na nuvem: Microsoft Dynamics 365, uma suíte de aplicativos em nuvem que poderá proporcionar às empresas soluções conforme as necessidades de cada negocio. Cada aplicativo resolverá problemas reais e oferecerá vantagens reais.

 

Fonte: canaltech.com.br/materia/computacao-na-nuvem